Social

19/04/2017 20:30

Polícia indicia Marcos por agressão a Emilly no BBB 17

Curiosidades

Quarta-Feira, 19 de Abril de 2017, 16h:17 | Atualizado:

MARIA DA PENHA

Polícia indicia Marcos por agressão a Emilly no BBB

EXTRA

marcos-delegacia.jpg

 

A polícia do Rio indiciou o médico Marcos Härter após investigação sobre o caso de agressão à estudante Emilly Araújo dentro da casa do “Big Brother Brasil 17”. A informação foi confirmada pela "GloboNews" nesta quarta-feira. O médico foi indiciado por lesão corporal com base na Lei Maria da Penha. A investigação aponta, após análise das imagens, das declarações prestadas e do teor do laudo pericial, que as lesões da vítima se deram em razão das “ações intencionais do autor”. O inquérito foi encaminhado ao Ministério Público.

Na terça-feira, o Tribunal de Justiça divulgou uma nota afirmando que o ex-BBB Marcos Harter entrou com pedido de habeas corpus para suspender as investigações da Delegacia Especializada no Atendimento a Mulher (Deam) de Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio. A nota afirma que o cirurgião plástico alegou que a delegada Viviane da Costa não tem atribuição para presidir o inquérito e que a vítima, com quem teve um relacionamento no reality show, não representou contra ele. Emilly foi a campeã do Big Brother Brasil 17. O juiz Marco Couto, da 1ª Vara Criminal de Jacarepaguá, determinou que a delegada preste esclarecimentos sobre o caso em 72 horas. Só então ele decidirá sobre a concessão ou não da liminar.

“Considerando as circunstâncias do caso concreto, entendo que o pedido de liminar deva ser examinado após a Autoridade Coatora prestar as suas informações, já que a inicial veio desamparada de qualquer cópia dos autos do inquérito policial. Por isso, oficie-se à Autoridade Policial, a fim de que preste esclarecimentos, no prazo de 72 horas, sendo certo que o pedido liminar será examinado com a chegada de tais informes”, disse o magistrado em seu despacho.

O documento, no entanto, não cita a delegada Viviane Costa, delegada da Deam de Jacarepaguá. Quem é citado no pedido de habeas corpus é a diretora da Divisão de Proteção e Atendimento à Mulher (Deam), Marcia Noeli Barreto, que se defendeu:

— Ele entrou com o pedido contra mim. Não entendi nada — critica a diretora da Divisão de Proteção e Atendimento à Mulher (Deam), Marcia Noeli Barreto, que acrescenta: — Recebi o comunicado ontem (18) e vou responder hoje (19) ainda. O acusado especificou meu nome como quem instaurou o inquérito. Mas ele errou. Quem está investigando o caso é a delegada Viviane Costa (delegada da Deam de Jacarepaguá, onde o caso é investigado). Mas o advogado vai fazer o papel dele, entendo. Não, há, no entanto, nada que eles aleguem que possa ser incorreto. Está tudo na lei e esse pedido não atrapalha as investigações.

Ao ter ciência do caso, Marcos negou que tenha entrado com o pedido de habeas corpus, afirmando que o mesmo não foi feito por nenhum representante seu. Nesta quarta-feira (19), a coluna “Gente Boa”, do GLOBO, divulgou que Marcos entrou com o pedido. A informação foi passada à coluna pelo Tribunal de Justiça. Entretanto, no site do TJ, consta que o pedido feito pelo advogado Roberto Flávio Cavalcanti, que não é o representante legal de Marcos. O recurso, diz o médico, foi impetrado em seu nome, mas sem o seu conhecimento, algo que surpreendeu o próprio ex-BBB.

Cavalcanti confirma que não tem vínculo profissional com Marcos. Ele diz que entrou com o pedido para garantir que a Lei Maria da Penha não seja aplicada erroneamente.

— Eu entrei com o pedido para não permitir que esse precedente se abrisse e a Lei Maria da Penha fosse aplicada em casos que não podem ser considerados como agressão familiar — explicou.

Médico diz que não teve intenção de machucar

No dia 12 de abril, Marcos Harter esteve na Deam-Jacarepaguá para prestar depoimento. Ele chegou ao local acompanhado da irmã e não deu entrevistas. Um dia antes, Harter usou a sua conta no Twitter para falar sobre a acusação. O médico alegou que nunca teve a intenção de machucar a estudante, com quem vinha mantendo uma relação amorosa.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo