Notícias

11/04/2018 18:52

Alerta: Droga confundida com maconha causa mortes

Mundo

Quarta-Feira, 11 de Abril de 2018, 17h:26 | Atualizado:

SOLVENTES

Droga confundida com maconha causa mortes

G1

maconha.jpg

 

Três pessoas morreram após ter relatado o uso de canabinoides sintéticos na região de Chicago e no centro de Illinois, de acordo com o Departamento de Saúde Pública (IDPH, sigla em inglês) do estado americano. Segundo o órgão, 114 pessoas apresentaram efeitos graves após relatar o consumo dessas substâncias. "Vemos que o número de casos continua aumentando", disse o diretor do IDPH, Dr. Nirav D. Shah. "O IDPH não sabe quanto o produto pode estar contaminado, ou onde está circulando. Pedimos a todos veementemente que não usem canabinoides sintéticos." A nota divulgada pelo departamento disse que encontrou, em algumas amostras, traços de brodifacoum – substância extremamente tóxica e usada como veneno de rato.

De acordo com o químico Guilherme Marson, a maior parte destas drogas sintetizadas de forma clandestina é produzida sem um controle rigoroso contra impurezas, solventes e procedimentos de qualidade. "Tem uma molecada que se mete a fazer ciência em laboratório porco. Eles misturam tudo, como quem faz bolo, e o resultado é que as pessoas tomam essas coisas sem saber o que tem ali, nem se foi testado", disse.

O IDPH relatou efeitos colaterais graves, além das mortes: tosse com sangue, sangue na urina, sangramento do nariz e das gengivas. Segundo Anthony Wong, diretor do Centro de Assistência Toxicológica (Ceatox) do Instituto da Criança do Hospital das Clínicas, os canabinoides sintéticos são de 80 a 100 vezes mais potentes do que a maconha.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo