Notícias

13/05/2017 04:42

Fogo em Rondonópolis: Incêndio no Atacadão deixa 40 feridos; 2 em estado grave

Polícia

Sábado, 13 de Maio de 2017, 00h:01 | Atualizado:

FOGO EM RONDONÓPOLIS

Incêndio no Atacadão deixa 40 feridos; 2 em estado grave

KAROL GARCIA
FOLHAPRESS

Um incêndio destruiu um supermercado em Rondonópolis (a 218 km de Cuiabá), na tarde desta sexta-feira (12), e deixou ao menos dois feridos em estado grave. Aproximadamente, outras 40 pessoas foram atendidas com intoxicação devido à fumaça em hospitais da cidade.

O incêndio começou por volta das 17h (horário de Brasília) no depósito do supermercado Atacadão, durante um procedimento de solda, de acordo com o Corpo de Bombeiros. O fogo alastrou e atingiu toda a área interna do estabelecimento. Apenas o estacionamento não foi atingido. Uma pessoa que estava no local foi encaminhada para a UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) da Santa Casa, com insuficiência respiratória.

Outro paciente aguardava na noite desta sexta por um leito para ser transferido para a UTI. Os nomes das vítimas não foram divulgados. Além deles, cerca de 40 pessoas foram encaminhadas à UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) e ao Hospital Regional da cidade intoxicadas pela fumaça ou pisoteadas na tentativa de fugir do incêndio.

Com a movimentação intensa nos locais, funcionários e médicos da Santa Casa que não estavam no plantão foram atuar de forma voluntária na UPA para agilizar os atendimentos, assim como servidores de outras cidades da região, segundo Isalba Albuquerque, secretária da Saúde de Rondonópolis.

"Não sobrou absolutamente nada. A informação que temos até o momento é de que estava sendo um feito um reparo e os pingos da solda teriam sido a causa do incêndio. Se o chuveiro [sistema contra incêndios] estivesse funcionando, os próprios funcionários teriam iniciado o combate ao fogo", afirmou o tenente-coronel Francenildo Ferreira, comandante do 3º Batalhão do Corpo de Bombeiros.

Vizinha do supermercado há seis meses, a vendedora Maria Cacilda Catarino viu a fumaça preta do início do incêndio e disse ter ficado muito assustada. "Meu Deus do céu, foi um susto muito grande. Minha vizinha gritou para eu sair de casa, a correria foi muito grande. Nosso medo era de vir para cima da gente. A gente fica triste porque acabou com nosso supermercado", afirmou. Empresas de grande porte instaladas no município, como esmagadores de grãos e construtoras, enviaram brigadistas e caminhões-pipa para conter o fogo e colaborar com o Corpo de Bombeiros.

BOATOS — Coordenadores do Samu e dos bombeiros, além de combater o fogo, atuaram para alertar a população sobre boatos que tomaram conta da cidade, como "40 pessoas estão presas na câmara fria" ou "27 pessoas morreram no incêndio". Bombeiros vasculharam a câmara fria, mas nenhuma pessoa foi encontrada no local. O local foi isolado, só tendo o tráfego de veículos liberado na noite desta sexta. Por volta das 21h30, ainda havia chamas no supermercado e bombeiros e brigadistas de empresas atuavam no combate ao fogo. Procurada, a direção do supermercado na cidade não comentou o acidente.


Crie seu novo site AgenSite
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo